"Mesmo que os meus versos nunca sejam impressos, Eles lá terão sua beleza, se forem belos." (FERNANDO PESSOA)

SEBO ARILOQUE

SEBO ARILOQUE
Encontre aqui seu livro!

quarta-feira, 16 de janeiro de 2008

ÉS MULHER



Parcela maior que a nós faz homens
Medida inexata de valor certo
Veneno ao longe e antídoto por perto
Juíza de serviçais, velhos ou jovens.

Voz dos cantares de todas as paixões
Fruto aos olhos do original pecado
Que desde a Gênese prescreve um legado:
És MULHER!... Emaranhada de imperfeições.

Tantos universos, num só gênero acumulado,
Por artimanhas inventadas, a cada dia, a cada hora...
Constituindo as fantasias, deste ser admirado,

Que por ti se confunde, engana, chora,
Exagera, luta, e mesmo cismado,
Entrega-se e, invadido, ama-a... agora!

(08/03/2007)

4 comentários:

  1. E que poder de palavras...quase posso dizer: quero ser tal mulher

    ResponderExcluir
  2. É realmente tem um dom com as palavras.....sortuda quem for a mulher escolhida. Está mulher terá um misto de homen fino e selvagem a seu lado....

    ResponderExcluir
  3. Emaranhada de perfeições imperfeitas...

    Beijos da Senhorita.

    ResponderExcluir
  4. Não somos tão perfeitas assim, só diferentes, mas ficamos lindas em tuas palavras.

    ResponderExcluir

Costuro o infinito sobre o peito.
E no entanto sou água fugidia e amarga.
E sou crível e antiga como aquilo que vês:
Pedras, frontões no Todo inamovível.
Terrena, me adivinho montanha algumas vezes.
Recente, inumana, inexprimível
Costuro o infinito sobre o peito
Como aqueles que amam.

Hilda Hilst

Postagens populares

LICENCIADO CC

Licença Creative Commons
PESCADOR DE PENSAMENTOS de Adriano C. Tardoque é licenciado sob uma Licença Creative Commons Attribution 3.0 Unported.
Permissions beyond the scope of this license may be available at http://www.facebook.com/adriano.tardoque.